SACERDOTE É ESPANCADO APÓS CELEBRAR MISSA NO PERU



Um sacerdote de 58 anos foi agredido em Lima (Peru) no dia 17 de fevereiro por um grupo de pessoas depois de lhes pedir para abaixarem o volume da música de uma festa que realizavam na rua e que estava incomodando a vizinhança e impedindo os fiéis de participarem corretamente da Missa dominical.

"A festa estava sendo realizada na quadra esportiva do Grupo Residencial às 18h perto do templo paroquial, impedindo que os fiéis escutassem a Missa”, indicou ao Grupo ACI o Pe. Miguel Ángel Montes, da Paróquia Cristo Ressuscitado, de Villa el Salvador, ao sul de Lima.

Por isso, quando a Missa terminou, o sacerdote comunicou a Guarda Municipal sobre a festa, na qual se consumia álcool e também sobre os problemas que estava gerando na vizinhança, mas os guardas não chegaram e, “por isso, me aproximei e pedi, por favor, que parassem com o barulho”.

No entanto, "eles me rodearam, me empurraram, me jogaram cerveja e, finalmente, um deles bateu no meu rosto, quebrando o meu nariz".

Depois de uma hora e meia de agressão, os guardas apareceram, mas só chamaram atenção.

Padre Miguel Ángel Montes foi para o Hospital de Emergência de Villa el Salvador, onde lhe diagnosticaram a fratura do septo nasal. Agora o sacerdote se encontra estável.

"Estou aqui há quatro anos e desde novembro do ano passado organizam essas festas, mas agora são mais constantes. Começam às 16h de domingo e terminam às 6h de segunda-feira, assim todo fim de semana", assinalou Pe. Montes.

O sacerdote afirmou que os moradores do bairro não participam destas festas, mas vêm “marginais que têm nos ameaçado”.

Pe. Montes disse que no dia 20 de fevereiro foi informado que começaram a “investigação dessas festas".

Fonte: ACI
SACERDOTE É ESPANCADO APÓS CELEBRAR MISSA NO PERU SACERDOTE É ESPANCADO APÓS CELEBRAR MISSA NO PERU Reviewed by Eu e Deus on fevereiro 24, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário: