PARA ELAS: Por que as mulheres se comparam tanto? - Eu & Deus

CONFIRA

Home Top Ad

Post Top Ad

terça-feira, 14 de agosto de 2018

PARA ELAS: Por que as mulheres se comparam tanto?

A única coisa que acontece é nos privarmos da felicidade

Desde o começo do envolvimento de Meghan Markle com o Príncipe Harry houve dezenas de artigos comparando seu estilo com o de Kate Middleton, ou analisando quem poderia ser “melhor” para a família real britânica.

Estou dando esse exemplo porque é sobre duas mulheres famosas, mas não é verdade que as mulheres passam muito tempo se comparando entre si? E não é saudável; na verdade, é potencialmente perigoso.



Por quê? Se você, mulher, se comparar com um homem, sempre terá a diferença de gênero como justificativa ou imperativo, mas quando se trata de outra mulher, você pode acabar na temida pergunta: o que ela tem que eu não tenho? E acredite, seu autossabotador interior pode levar a conclusões completamente erradas ou injustas que prejudicam sua autoestima.

Talvez tenha algo a ver com nossas experiências passadas de discriminação por causa do nosso gênero ou porque sentimos que estamos em minoria, então estamos em constante competição.

Mas, se pensarmos sobre isso, por que usaremos a comparação, por exemplo, do nosso corpo com o de outra mulher na academia? Isso não nos fará mais magras ou nem nos deixará em melhor forma; pelo contrário, pode prejudicar nosso espírito e mantê-lo longe do objetivo.

Sim, é verdade que, para algumas mulheres, comparar-se com outras mulheres pode ser uma forma de motivação, mas então você pode cair na armadilha de não fazer as coisas por si mesma, mas apenas para vencer ou ser melhor do que qualquer outra pessoa.

Eu acho que nós, mulheres, às vezes, perdemos muito tempo nos comparando com outras mulheres ao invés de usar esse tempo para fazer algo mais produtivo e enriquecedor.

E, às vezes, nós somos tão superficiais (e eu me incluo nisso) que só nos comparamos nas coisas materiais. Comparamos nossas finanças, roupas, namorado, cônjuge, corpo etc., mas raramente você ouve uma mulher comparando sua bondade ou caridade com a de outra mulher.

Sempre haverá alguém com cabelos melhores, um corpo mais fino, cílios mais longos, dentes mais brancos, mais sorte, pele mais bonita, e assim por diante. Mas você já parou para pensar que sempre haverá alguém em uma situação pior do que você?

Não é melhor agradecer pelo que você tem do que viver com um constante sentimento de insatisfação? Você já parou para analisar objetivamente por que tal pessoa tem algo que você não tem?

No final, trata-se de agradecer, curtir a vida e trabalhar arduamente para o que queremos mudar ou melhorar.

Na maioria das vezes, comparar-nos é uma perda de tempo e de energia. É uma novela que só acontece em sua própria mente.

Cada mulher é única à sua maneira, e sempre haverá qualidades que irão torná-la especial, então por que ficar presa no que você não tem ou autossabotar sua vida desnecessariamente quando já é complicado o suficiente?

Beleza, sucesso e todo o resto vêm em formas diferentes, então não se pressione a viver um ideal de perfeição que você provavelmente criou apenas por conta própria.

Não seja tão rígida consigo mesma.

No final do dia, todos nós temos algo maravilhoso e vamos conseguir mais benefícios se, ao invés de nos compararmos, inspirarmo-nos uns nos outros para atingir o objetivo que temos em comum: a felicidade.

Fonte: Aleteia

Post Bottom Ad

Páginas