EM OPOSIÇÃO AO HALLOWEEN, UM "BAILE DE SANTOS" CONQUISTA GRANDE ADESÃO DE CRIANÇAS


"É preciso que os pais ofereçam Jesus e o céu para os seus filhos, sem medo", diz a organizadora desta festa que reage à "cultura do medo e da morte"

Se no final do mês de outubro muitos estão pensando no Halloween, um grupo de crianças de Araraquara (SP) não quis saber dessa festa. Pelo contrário: fazia tempo que vinham imaginando e preparando a fantasia do santo com a qual participariam de uma animada festa católica!

Trata-se do “Bailinho Kids”, que aconteceu no último dia 28 de outubro, promovido pela Comunidade Beatitudes. Em meio a uma cultura que vem sofrendo forte influência das tradições exteriores, como é o caso do Halloween, a iniciativa procurou levar as crianças a viver “uma experiência de fé”.



Diante da “cultura do Halloween”, Carol Zabisky, iniciadora do projeto, afirma:
“É preciso que os pais ofereçam Jesus e o céu para os seus filhos, sem medo. Quando a luz de Cristo brilha no coração dos pequenos, dificilmente os ‘bichos-papões’ da cultura de morte tomam espaço em suas mentes. Ofereçam Jesus e o céu para seus filhos!”
A ideia surgiu em 2014, com “um grupo de evangelização infantil voltado para os filhos dos membros da comunidade”.

“Era urgente a necessidade de levarmos as crianças a uma experiência com a pessoa de Jesus e educá-las na fé católica. Este pequeno grupo cresceu e atingiu mais crianças, fora da comunidade. Outros pais se interessaram em oferecer essa graça aos seus filhos e, assim, o grupo foi se desenvolvendo”.

No mesmo ano foi promovido o primeiro “bailinho kids” com um pequeno grupo de crianças. Elas participaram vestindo-se do santo de sua devoção.

“Aos poucos, notamos que as crianças começavam a cultivar, de fato, uma devoção aos santos católicos”.

Segundo Carol, a “meta primária” de vivenciar uma experiência de fé foi assim atingida, vindo em seguida a “meta secundária”: “não envolver nossos filhos em festas pagãs ou não cristãs como a de Halloween”.

“Foi uma linda experiência e as crianças participaram com tanto entusiasmo que no ano seguinte, já com mais crianças, a festa foi maior”.

O “bailinho” tem o lema “O céu é nosso!”. Carol prossegue:
“Mostramos aos pequenos que a nossa meta é alcançar a bem-aventurança eterna e que precisamos trilhar os passos da santidade aqui na terra para alcançarmos a meta”.
São oferecidos às crianças e suas famílias “a alegria da santidade, a busca pelo céu, a experiência da fé católica e a esperança que nasce a cada dia dentro da família”.

“As crianças são apaixonadas pelo bailinho! Esperam ansiosamente e se preparam para ele”.

Participam crianças desde os 3 anos até pré-adolescentes de 12.
“E todos se empenham e se preparam para o dia. As crianças se preparam para o desfile e também para a apresentação de dança. Elas ficam bem ansiosas e animadas com a confecção da fantasia, com os santos que irão representar, enfim, entram de coração na festa”.
____________
A partir de texto original da agência ACI Digital
EM OPOSIÇÃO AO HALLOWEEN, UM "BAILE DE SANTOS" CONQUISTA GRANDE ADESÃO DE CRIANÇAS EM OPOSIÇÃO AO HALLOWEEN, UM "BAILE DE SANTOS" CONQUISTA GRANDE ADESÃO DE CRIANÇAS Reviewed by Eu e Deus on outubro 30, 2017 Rating: 5