SABIA QUE JESUS TAMBÉM FRACASSOU?


Na minha curta vida, pela graça de Deus, experimentei grandes maravilhas e grandes fracassos. Desfrutei do amor da minha mãe, Vero, do meu pai, Pedro, de meus irmãos, além de muitos amigos e inúmeras famílias que me presenteiam com seus carinhos um dia sim e outro também.

Sem dúvida, a presença do bom Deus foi o que eu mais pude aproveitar ao longo da minha existência. Experimentei seu amor incrível, pois cada vez que eu erro, Ele sempre me recebe com um abraço cheio de carinho e palavras doces: “Te amo, Sérgio, e fico feliz por você ter voltado.”

Mas eu também enfrentei muitas dificuldades e fracassos terríveis. Eu só compartilhei alguns deles, porque se dividisse muitos, todos ficariam preocupados comigo. Por isso, guardo esses fracassos em meu coração, na confiança que Cristo saiba muito bem o quanto eles doem.


Ele sempre vai me curar e me presentear com esse sorriso que, segundo dizem, distingue o Padre Sergio. Mas sei que isso não é mérito meu; é presente de Deus e herança de minha mãe.

Estou convencido que sou o que sou, graças a meu Pai do Céu. Ao rever minha vida, descubro que, sem dúvida, Ele escreve certo por linhas tornas e me resgata dos mais terríveis fracassos.

Em mais de uma ocasião, senti que Jesus me tomou em seus braços e me levantou. Por isso, gosto muito da imagem de Jesus tirando Pedro da água, quando ele estava afundando por causa da sua falta de fé. Imagino que sou Pedro a ponto de me afogar, quando Ele me toma nos braços e, com um sorriso, me ajuda a sair da tormenta.

Quero compartilhar essa experiência de “resgate”. É que os fracassos estão na ordem do dia. Encontro, com extrema frequência, pessoas que dizem ter falhado em tudo, que nada mais tem sentido, que tudo deu errado, que tudo está perdido. Essas pessoas me entregam suas lágrimas, na esperança que Deus vai ajudá-las.

Gosto de pedir a todos que voltem a ver Cristo na Cruz. E sempre lhes digo: “Para mim, a morte de Jesus foi o pior fracasso da história. Imagine, Ele, sendo Deus, o criador do universo, acabou morto pelas mãos de seus próprios filhos. Ele veio ao mundo para nos salvar e seus planos deram tão errado que aqueles que Ele queria salvar o humilharam, maltrataram e o mataram. São Paulo bem disse que a Cruz é um escândalo, pois é o símbolo do fracasso de Cristo, que foi abandonado até pelos seus melhores amigos, os apóstolos…”
“Porém, pelo fracasso Jesus nos salvou, pois, ao terceiro dia, venceu a morte, o inimigo que ninguém conseguiu vencer. Deus Pai o ressuscitou, demonstrando-nos que o pior fracasso só tem sentido se confiarmos nos planos de Deus tal qual Jesus confiou. Agora, pense: se o maior fracasso da história, o fracasso de Cristo, foi transformado em salvação para todos nós, estou convencido que Jesus fará coisas maravilhosas em nossas vidas, apesar de nossas quedas”.
E digo mais: “por isso, não fique ansioso, não fique triste, deprimido nem frustrado diante de seus fracassos. Não importa que eles tenham sido grandes, que todos tenham percebido, que todos tenham criticado, que todos tenham ficado alegres por te ver derrotado. Sinta-se orgulhoso, pois é no fracasso que Deus vai te mostrar o seu poder, ao te resgatar e te levantar”.
“Não fique deprimido; o melhor é aproximar-se de Deus. Lembre-se das palavras de São Paulo (‘A força de Cristo se manifesta na fraqueza’) e encha-se de valor e de força, pois, na sua dor, Deus fará maravilhas. Nada está perdido, tudo ficará bem se você colocar nas mãos de Deus e, com fé, pedir que Ele faça grandes maravilhas. Foi Ele que libertou os israelitas das mãos de seus inimigos, perdoou os pecados de Davi, que se encarnou da Virgem Maria, que venceu a morte. Tenha confiança no bom Deus e logo você dará glórias de alegria.”
Por isso é que sou encantado por Deus e o amo com todas as minhas forças. Ele é capaz de transformar qualquer fracasso em glória, pois nos ama tanto que só nos pede a fé para fazer grandes obras em nossas vidas. Porque Ele ocultou essas coisas dos sábios e entendidos, que consideram a derrota e o fracasso como a coisa mais temida ou o pior que lhes possa acontecer. Eles não confiam nem esperam que Deus os resgate.

Eu quero ser um daqueles que foram chamados de “tolos” por São Paulo, daqueles que confiam em Deus até o limite; quero ser desses poucos que acreditam de olhos fechados no Bom Jesus. E que nenhum fracasso nos enfraqueça nem nos entristeça.

Oração:

Pai Santo, todo-poderoso e próximo de teus filhos, coloco-me em tua presença e te peço que me concedas a graça de confiar sempre em Ti, para que, apesar de todos os meus fracassos, derrotas, quedas ou doenças, eu possa entender que tudo isso não é o fim, mas o começo da história maravilhosa que Tu preparaste para mim. Confio e espero com serenidade o momento em que Tu virás me resgatar, me levantar e me mostrar que Tua força se manifesta em minha fraqueza. Amém.

Fonte: Aleteia
SABIA QUE JESUS TAMBÉM FRACASSOU? SABIA QUE JESUS TAMBÉM FRACASSOU? Reviewed by Eu e Deus on setembro 26, 2017 Rating: 5